Buscar
  • TvUp

Caminhões explodem e causam acidente grave na BR-277.



Um grave acidente envolvendo caminhões, na tarde desta terça-feira, mobilizou equipes do Corpo de Bombeiros e socorristas da concessionária CCR Rodonorte, na BR 277, na serra de São Luiz do Purunã, em Balsa Nova. Treze veículos colidiram, entre eles um caminhão tanque que explodiu após o choque.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, quatro veículos de passeio e nove caminhões se envolveram no engavetamento, um deles transportava combustível e pegou fogo. Destes, duas carretas e um carro pegaram fogo.

Os bombeiros quando chegaram no local tiveram grandes dificuldades para chegar até o local que os acidentados estavam. O helicóptero da Polícia Militar se deslocou até a região, porém a forte neblina impediu o acesso da aeronave. Os bombeiros atuaram para combater o fogo no caminhão-tanque.


A colisão aconteceu na pista sentido Ponta Grossa, no KM 136 da BR 277, próximo ao pedágio. Por motivos de segurança e logística, a pista sentido Curitiba também foi bloqueada, no KM 139.

“A gente orientou o máximo que podia de veículos para voltar na contramão. Fechamos o pedágio sentido Ponta Grossa, fechamos a pista Ponta Grossa sentido Curitiba para os veículos dos bombeiros poderem se deslocar na contramão “, conta Bonfadini.

Por volta das 17h, a pista sentido Curitiba começou a ser liberada pela PRF. Uma viatura seguiu à frente do comboio de veículos. Por volta das 19h, a fila sentido interior registrava mais de 10 km de congestionamento.

O engavetamento teria sido causado por um caminhão que se perdeu na curva e ficou pendurado em uma mureta. Em função da forte neblina que havia no momento, outros veículos que seguiam atrás foram batendo, sequencialmente. De acordo com a PRF, quatro pessoas feridas foram socorridas. Duas delas foram encaminhadas ao Pronto-Socorro Municipal de Ponta Grossa. E as outras duas para o Hospital Nossa Senhora do Rocio, em Campo Largo. Sendo, três mulheres, uma delas grávida, e um homem.Equipes do Instituto de Criminalística e do Instituto Médico Legal (IML) chegaram ao local por volta das 19h. Pelo menos quatro mortes foram confirmadas.




Fonte: UOL