Buscar
  • TV UP

Diretor da OMS responde a pronunciamento de Bolsonaro


Foto: Reprodução / Internet

O diretor-geral da OMS Tedros Adhanom Ghebreyesus, mandou uma resposta ao presidente Jair Bolsonaro a respeito ao seu pronunciamento feito na noite desta ultima terça-feira (24), Tedros questionado sobre qual mensagem passaria para o presidente brasileiro foi claro e disse "Em muitos países, as UTIs estão lotadas e essa é uma doença muito séria".


O discurso adotado pelo presidente desagradou boa parte da população brasileira, e também especialistas e autoridades não apenas do Brasil mas de varias entidades internacionais, o discurso por muito foi classificado como irresponsável e suicida.


Para fontes nos organismos internacionais, o discurso de Bolsonaro é "perigoso", já que incita os mais jovens a desrespeitar medidas de distanciamento social e cuidados básicos.

coube a uma das diretoras técnicas da OMS, Maria van Kerkhove, reforçar a ideia de que crianças também são "vulneráveis" e que casos sérios foram registrados entre jovens.

O temor é de que, ao mandar essa mensagem, Bolsonaro mina a tentativa da OMS de conscientizar milhões de pessoas sobre a necessidade de tratar a doença como algo sério.


0 comentário